Cinemania Preview: Coraline

Monday, December 15, 2008 | 5 Comments

CORALINE: O OUTRO LADO DO ESPELHO DE NEIL GAIMAN
Como um romance escrito para crianças pode ser uma das melhores leituras para adultos nos tempos que correm...

nquanto dizia essas palavras, o seu pé escorregou, e no momento seguinte, tchumbum! Estava com água salgada até o queixo... No entanto, entendeu de imediato que estava na poça de lágrimas que ela mesma tinha chorado. ‘Gostaria de não ter chorado tanto!' disse Alice, enquanto nadava em redor, tentando encontrar o caminho. ‘Agora vou ser castigada por isso, pelos vistos, vou morrer afogada nas minhas próprias lágrimas! Vai ser esquisito, com certeza! Mas hoje tudo é esquisito.'”

Quando pronunciou essas sílabas, no capítulo dois de Alice no País das Maravilhas, de Lewis Carroll, mal sabia a pequena Alice que colocava por palavras o enigma da infância encerrado dentro de cada um de nós: não apenas a pressão do mundo adulto para crescermos sábios e fortes, como também a estranheza de um mundo em que os pais estão longe e de todo um universo que nada mais é do que, segundo Alice, esquisito. Recauchutando essa ideia de forma mais do que original, o escritor inglês Neil Gaiman brindou-nos com a melhor versão moderna do romance de Carroll: um livro para crianças, que deve também ser lido por adultos, chamado Coraline.

Quando a graphic novel em três edições Orquídea Negra foi publicada pela DC Comics em 1988, tanto o seu autor Neil Gaiman como o ilustrador, Dave McKean, eram praticamente desconhecidos fora da Inglaterra. Com o sucesso de Orquídea Negra e com a contínua parceria da dupla, respectivamente, na série mais premiada dos quadrinhos, Sandman (de 1989 a 1994), já era de se esperar que a dupla voltasse a trabalhar novamente noutros projectos. Em 2002, lançaram o tão aguardado romance Coraline, escrito por Gaiman, com ilustrações e capa de McKean. Diferente de Sandman, em que o foco principal era uma história adulta escrita por um adulto para adultos, em Coraline temos uma balada sombria que deve ser tocada para crianças. Mas não para qualquer criança. Caso raro na literatura infanto-juvenil actual, Coraline é indicado para crianças que se recusam a ser hipnotizadas pela televisão e também para a criança perdida dentro de cada um de nós, que no decorrer da adolescência e da vida adulta acabou por se perder na burocracia da responsabilidade.

O filme estreia em 2009 e nós deixamos o trailer a borboletar por aqui:

5 comentários:

Tina said...

I just can't wait to see it!
I miss Portugal.
Hot Muacks!
Tina. L.A.

lov your blog

costume jewelry said...

i agree your idea ! very nice blog

我爱麻将网 said...

It seems different countries, different cultures, we really can decide things in the same understanding of the difference!
Personalized Signature:我喜欢淮安掼蛋,靖江青儿,南通长牌,姜堰23张,常州麻将这些地方言游戏

alerts said...
This comment has been removed by a blog administrator.
Farming Net said...

Good Blog, I think I want to find me, I will tell my other friends, on all
fishing net factory

About

Mei and Arawn